Planejamento e Execução

Ideias, concorrentes, negócios, mercado, projetos, empresas, podem ser iguais, diferentes ou mesmo inovadores, mas não são eles que vão definir o sucesso da sua empreitada.

Costumo dizer que o que muda de uma empresa para outra são os diferenciais que foram desenvolvidos ao longo da trajetória da empresa, algumas vezes percebidos pelos clientes e outras vezes não.

Se você está iniciando o seu negócio, concorrer com empresas maiores do que a sua, será sim um desafio. Se você identificou um diferencial difícil de ser copiado ou melhorado, talvez isso lhe proporcione mais segurança em investir, mas não posso lhe garantir que isso será suficiente para o seu sucesso.

Em poucas palavras, o que posso compartilhar com você e lhe atentar é:

  • Tenha uma boa equipe de execução porque boas ideias, bons projetos, boas empresas não são tudo e talvez possa ser menos do que você imagina.
  • Adote um comportamento empreendedor e invista não só na idéia do negócio mas principalmente no negócio (atitude).

A grande diferença entre algo de sucesso e de fracasso, historicamente não são grandes ocorrências e sim diferenças sutis (na execução e/ou no comportamento). E por que surgem estas diferenças sutis nos negócios de sucesso? Respondo: pela forma como foram executados e percebidos os ajustes que deveriam ser feitos ou ainda, aproveitadas as oportunidades que surgiram ao longo da trajetória.

E um projeto para ser bem executado, precisará de bons profissionais, de profissionais alinhados com suas ideias e também trabalhando e agindo de forma antagônica, questionando caminhos, premissas ou qualquer coisa que ajude a reduzir incertezas nas decisões tomadas e lhe faça pensar “fora da caixinha”. Valorize portanto tais comportamentos da sua equipe!

Da mesma forma que planejar e executar pode fazer toda a diferença no seu negócio, uma nova tendência também vem surgindo, em alguns grandes negócios. Empresas estão investindo em pessoas e áreas que sejam capazes de literalmente destruir o próprio negócio da empresa.

Equipes são formadas para questionar as decisões mas também para criar dentro da própria empresa formas e estratégias para tentar quebrar o modelo de negócio e o diferencial que foi construído. Isso mesmo, enquanto há equipes para construir diferenciais, há também equipes para destruir isso e é claro, tudo deve ser visto de uma forma saudável.

Portanto, preocupe-se com suas ideias sim, mas tenha muita atenção em como você vai executa-las, e saiba que é questão de tempo para elas serem destruídas, evoluídas ou reinventadas.

Este artigo também foi publicado em http://www.administradores.com.br/artigos/empreendedorismo/planejamento-e-execucao/86225/